Onde os ícones do design moderno são expostos a todos os limites para testar sua qualidade

 

Produtos como esses são continuamente testados na sede da Herman Miller.

No Herman Miller’s Design Yard, ou “Quintal de Design da Herman Miller”, um ambiente diversificado com todos os tipos de equipamentos da empresa, você pode se deparar com o zumbido de dezenas de máquinas e a perfuração metódica dos assentos de Aerons, SAYLs e Cosms, no que a Herman Miller chama de Laboratório de Durabilidade. Esta é apenas uma seção do amplo laboratório de testes para os móveis da pioneira na pesquisa e no desenvolvimento de mobília de altíssima qualidade.

Dificilmente alguém imagina quantos testes estão por trás de cada produto, afirma Larry Larder, gerente de Serviços de Teste e Sistemas de Qualidade da Herman Miller. Larder é engenheiro mecânico e está na Herman Miller há 17 anos, 10 destes dedicados ao laboratório de testes. “O que fazemos é tentar descobrir a durabilidade de um produto nas mais adversas situações“, diz Larder. A Herman Miller tem uma invejável garantia de 12 anos, então seus produtos precisam durar perfeitamente muito além desse tempo.

O laboratório conta com um espaço formidável: ocupa dezenas de milhares de metros quadrados e tem a altura de um hangar de avião, com capacidade para executar 1.890 testes diferentes, que certificam desde a durabilidade dos materiais às cores dos tecidos.

Caper passando por testes no laboratório

As principais cadeiras de escritório do mundo são diariamente arrastadas sobre diferentes superfícies, empurradas para frente e para trás e giradas milhares e milhares de vezes. Prateleiras são penduradas e testadas com pesos além do seu limite. Tudo em conformidade com as diretrizes da Business and Institutional Furniture Manufacturing Association (BIFMA), que certifica móveis para escritório para que atendam aos requisitos de desempenho e durabilidade da indústria. Aqui, no entanto, os testes vão além das determinações do órgão. Larder explica que, embora o exigido para testar uma cadeira, por exemplo, seja soltar uma sacola pesada sobre ela 30.000 vezes, no Laboratório isso se repete por 100.000 ou 200.000 vezes para garantir que ela atenda aos seus próprios padrões de garantia.

Ainda mais impressionantes do que o mobiliário, são as máquinas que a Herman Miller projetou para realizar testes – enquanto os produtos passam por centenas de milhares de rodadas de inspeções, as máquinas estão operando repetidamente em vários produtos, milhões de ciclos de testes ao longo de sua vida.

“Você testa até ter certeza de que nada fora do comum está acontecendo”, diz Larder. Ruídos ou peças soltas podem significar que alguma coisa não está correta. Tem que haver um equilíbrio entre forma, peso a ser suportado e materiais. Em geral, nenhum projeto é descartado. Ajustes são feitos para que ele alcance essa harmonia e funcione da forma correta.

Simulação de pessoas sentadas

Em outra sala, mesas de altura ajustável com cargas sobre elas estão passando por testes para simular seu uso ao longo do tempo. Elas vão repetidamente da posição mais alta para a mais baixa, num processo chamado de “balé das mesas”. Elas chegam a ficar até uma semana em uma série de câmaras ambientadas que simulam calor, umidade ou frio, com temperaturas chegando a 140 graus. Por meio desses testes, os engenheiros buscam sinais de empenamento, colas que falham, acabamentos corroídos – qualquer problema que seja causado por ambientes extremos. A Herman Miller também desenvolveu testes para medir o desgaste que o sapato de uma pessoa pode causar na base metálica das cadeiras e usa transpiração sintética para simular como o suor afeta seus tecidos.

Câmaras ambientadas

Não são apenas os lançamentos que passam por todo esse processo. Um visitante pode se deparar com uma Aeron, por exemplo, sendo testada mesmo após tantos anos de fabricação. “Nós testamos os móveis ao longo de seu ciclo de vida, inúmeras vezes. Enquanto são vendidos, estamos frequentemente fazendo melhorias no design”, explica Larder.

Assento de uma Aeron passando por testes de peso

Essa é a garantia de qualidade e durabilidade que somente móveis de design original podem proporcionar.

Artigo originalmente publicado na revista Architectural Digest