Buscar

Alguns fragmentos da história em 5 peças de mobiliário

Além de ter sido um dos principais arquitetos do século XX, Eero Saarinen foi um designer de talento ímpar. Com a Womb, ele atendeu ao pedido de Florence Knoll para que criasse  uma poltrona incrivelmente aconchegante. A peça tornou-se sinônimo de conforto e estilo elevado.

Poltrona Womb

Konstantin Grcic introduziu um novo paradigma no vocabulário de design do mobiliário contemporâneo, o do fractal, influenciando muitos outros designers. A Chair_One é uma das mais reconhecíveis peças de mobiliário deste século.

Chair_One

Ao longo de muito tempo, Isamu Noguchi foi mais lembrado por seus trabalhos como escultor. No entanto, a Noguchi Coffee Table talvez seja a peça de mobiliário mais artística do Século XX.

Noguchi Coffee Table

Desde o início de sua produção comercial, em 1969, o sistema USM Haller é utilizado para configurar móveis. Cada um destes tem a expressividade estética e a funcionalidade que caracterizam o estilo do designer.

USM Haller

Florence Knoll foi muito mais do que a diretora de design da empresa presidida por ela e seu marido. Referencial a ponto de ter seu valor às vezes obliterado, o sofá que leva seu nome é apenas magnífico.

Sofá Florence Knoll

Posts relacionados

O jantar que mudou a história do design

Uma das parcerias mais produtivas da história do design teve início com um jantar entre dois homens, no restaurante do hotel Book-Cadillac, em Detroit, na…
Ler artigo

O legado da Cranbrook Academy of Art

Nomes conhecidos do design de mobiliário, como Charles e Ray Eames, Eero Saarinen, Harry Bertoia e Florence Knoll têm algo em comum: todos estudaram e…
Ler artigo

Florence Knoll: a inventora do visual do escritório modernista

Quem assistiu a série Mad Men, de Matthew Weiner, sabe que o escritório de meados do século se assemelhava a uma sala de estar, com…
Ler artigo

Comentários