São Paulo 11 3136-1241
Rio de Janeiro 21 3005-9186
Brasília 61 3327-1404

Como a ergonomia no trabalho afeta a produtividade?

A ergonomia no trabalho deve ser uma das principais preocupações das empresas, afinal, é uma das condicionantes que afeta a produtividade. O termo ergonomia deriva do grego: ergon, que significa trabalho e nomos, que significa normas. A área se divide em três campos: físico, cognitivo e ambiental e, na visão de especialistas, é um grande erro ignorar os mandamentos da ergonomia no ambiente organizacional.

Nesta entrevista ao Diário de Pernambuco, a fisioterapeuta do SESI Saúde, Márcia Heráclio, indica que muitas causas de afastamento do trabalho estão ligadas a falta de ergonomia no ambiente onde as tarefas acontecem: 

“Assentos ou bancadas inadequadas obrigam o trabalhador a usar posturas impróprias. Se o assento for muito alto pode acarretar em dores nas pernas, nos joelhos e nos pés. Enquanto que se for muito baixo, irá prejudicar o dorso e o pescoço”, alertou a fisioterapeuta 

Sua empresa aplica a ergonomia no trabalho? Ótimo! Estão de acordo com a lei! Mas, se você lidera uma instituição que ainda não se adequou, chegou a hora! Siga a leitura e entenda por que a ergonomia pode afetar a produtividade da equipe.

 

A NR 17 e a ergonomia no trabalho

A Norma Regulamentadora nº 17 foi criada para que a ergonomia no trabalho tenha amparo legal, visto que é crucial à saúde, conforto, segurança e bem-estar dos profissionais. Elaborada pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), a NR 17 visa reduzir os índices de doenças e acidentes de trabalho. Também procura minimizar os afastamentos e perdas na produtividade naquelas empresas com ambiente organizacional inadequado.

A norma ajuda essas empresas a estabelecer parâmetros que adaptam o ambiente às condições psicofisiológicas dos colaboradores, contribuindo para o melhor desempenho de todos. Para garantir a implementação das normas, as empresas devem realizar a Análise Ergonômica do Trabalho (AET). Esse levantamento serve para reunir as informações que darão base às mudanças e leva em consideração:

  • As regras de produção;
  • O modo de operação;
  • O tempo exigido;
  • O ritmo de execução;
  • O teor das atividades.

 

Ergonomia e produtividade

cadeira Aeron ergonomia no trabalho

A Aeron é referência quando o assunto é ergonomia, sua tecnologia e o design icônico proporcionam uma melhor experiência e conforto

A ergonomia no trabalho impacta a produtividade, porque garante um ambiente mais confortável. Oferecendo os padrões e condições ideais de ergonomia, as empresas contribuem, ainda, com a saúde dos funcionários fora do ambiente organizacional. 

Para atingir tais parâmetros, é necessário fazer uma série de ajustes. Precisa de uma ajuda? Neste tópico, vamos indicar as ações que sua empresa pode adotar para oferecer o ambiente ideal aos colaboradores. Confira!

Mobiliário

Adquira mobiliário de fornecedores que acompanham as tendências do ambiente corporativo e se preocupam com a ergonomia no trabalho para sua empresa. Essa medida é essencial, principalmente, para quem fica muitas horas em atividades repetitivas. Além de oferecer o conforto ideal, ajuda a evitar lesões por esforço repetitivo (LER).

SAYL Chair ergonomia no trabalho

Com seu encosto flexível a cadeira SAYL Chair dá uma maior liberdade nos movimentos

Carga horária

O gestor deve estabelecer a carga horária ideal para cada atividade e os profissionais devem ser orientados a respeitá-la. O excesso de horas pode comprometer a saúde mental do trabalhador e o seu desempenho.

Iluminação

luminária ergonomia no trabalho

A luminária Tone Personal é perfeita para uma iluminação individual

Esse é outro cuidado bastante importante no escritório: a iluminação tem que favorecer a produtividade. Caso não receba a devida atenção, vai afetar a saúde e o desempenho dos trabalhadores. Uma das melhores soluções é tratar a questão de forma individual, com luminárias que se adequam a necessidade de cada profissional.

 

Posição do trabalhador

Os profissionais devem ser orientados a não permanecer na mesma posição por tempo demais. Mostre a importância de alternar as formas de se aconchegar e incentive as pausas: em média, o ideal é descansar 15 minutos após 50 minutos ininterruptos de trabalho.

Exercícios

É interessante que a empresa promova alguma atividade física no ambiente interno, como yoga, ginástica laboral, ou simples alongamentos. Eles podem ser feitos no início do expediente, ou ainda em um dos intervalos de 15 minutos na rotina.

 

Benefícios da ergonomia no trabalho

A ergonomia no trabalho é benéfica tanto para os profissionais, como para as empresas. Os trabalhadores passam a ter melhor postura no trabalho, ganham qualidade de vida e se sentem mais valorizados. Para as organizações, essas medidas diminuem o absenteísmo, aumentam a produtividade – como vimos ao longo deste artigo – e contribuem para melhores resultados.

Por tudo isso, sua empresa deve começar a se adequar e promover melhorias com urgência no ambiente de trabalho. Agora que você conhece os caminhos e principais métodos, é hora de agir. Faça as devidas análises de ergonomia e ofereça bem-estar aos seus funcionários.


Conheça o phone booth Framery

Conheça Framery, a solução acústica que oferece maior privacidade em escritórios abertos e aumenta a produtividade.

A cabine à prova de som pode ser personalizada e é ideal para momentos de concentração como video conferências individuais ou uma rápida reunião entre colegas de trabalho.

 

As diversas cores, configurações e tamanhos disponíveis do Framery, se adequam à proposta e identidade da empresa.

Sofás, banquetas, mesas e tomadas podem ser adicionados à estrutura do phone booth, tudo para deixar o mais confortável e adequado possível, aumentando a concentração dos colaboradores.

  •  

Entre em contato conosco e saiba mais sobre a solução acústica Framery, comercializada pela Herman Miller.

São Paulo
Telefones: 11 3056-1800 ou 11 3056-1434
Av. Brig. Faria Lima, 1800 – 10º andar – Jardim Paulistano CEP 01451-001

Rio de Janeiro
Telefones: 21 2267-9795
Rua Rita Ludolf, 58 – conjunto 101 – Leblon CEP 22440-060

Distrito Federal
Telefone: 61 3327 1404
SHNQ01 Bloco A entrada A – Ed Le Quartier sala 1315 – Asa Norte CEP 70297-400


Conheça o novo layout do Showroom SP para 2020

Conheça as novidades no showroom Atec. Estamos com novidades em nosso showroom, e convidamos você a vir conhecê-las. Produtos de design original com venda exclusiva no Brasil, como a poltrona Fred e a poltrona Fri, de Jaime Hayon para a Fritz Hansen, fazem parte deste novo projeto. A linha Magis Me Too também está presente, com a mesa Lino e as cadeiras Alma, para os pequenos. Além destes, você encontra as cadeiras Herman Miller, carpetes Shaw Contract e os móveis modulares USM, comercializados com exclusividade Atec no Brasil.

 

Veja todos os ambientes, faça uma visita.

 

São Paulo Telefones: 11 3056-1800 ou 11 3056-1434 Av. Brig. Faria Lima, 1800 – 10º andar – Jardim Paulistano CEP 01451-001


Fritz Hansen e a tradição do design dinamarquês

O design dinamarquês carrega as tradições nórdicas do país, e ainda hoje é facilmente reconhecido como um ícone na história do design mundial. Mesmo com as fortes influências externas no início do século XX, dentre elas a Escola Bauhaus, a Dinamarca se manteve forte em seus ideais.

O refinamento pensado para as casas dinamarquesas no período pós Segunda Guerra, sempre priorizando a qualidade e a cultura intimista, se basearam na simplicidade com o uso de madeira no mobiliário e tons mais sóbrios.

São 147 anos desde que o visionário marceneiro de Nakskov fundou em Copenhagen uma empresa de produção de móveis. Fritz e seu filho Christian determinaram que a qualidade seria a marca registrada de seus produtos, o que nunca deixou de servir como norte para ganhar o
mundo.

Revolucionários, diversos designers modernos dos anos 1930 e 1940 participaram da trajetória da marca. Arne Jacobsen, por exemplo, desenvolveu junto com a empresa, alguns que estão entre os móveis mais conhecidos do mundo, como as cadeiras Series 7, ou as poltronas Egg, Pot, Swan e Drop, que foram produzidas para as áreas de espera e lounge do SAS Royal Hotel de Copenhagen em 1958. O mobiliário permanece fazendo parte dos elegantes ambientes deste hotel, e conquistou lugares de alto nível ao redor do mundo.

A Fritz Hansen utiliza diversos materiais em seus móveis e acessórios, da lâmina de madeira ao aço. A preocupação com o meio ambiente e a funcionalidade são valores cruciais para a empresa, que prima pela redução do impacto ambiental e pela durabilidade. É importante que soluções para espaços domésticos e corporativos sejam feitas com cuidado, seriedade e criatividade. Detalhes como um só móvel ou luminária, podem deixar seu ambiente elegante, vivo e convidativo e, ainda, passar por muitas gerações. É isso que faz da Fritz Hansen, uma marca reconhecida mundialmente por seu design.


6 dicas de design para sua casa

O design tem também a sua moda, já que acompanha as maneiras de vida de sua época. Mas soluções atemporais têm o seu valor na hora de mobiliar e decorar o seu lar. Isso não quer dizer que sua casa precisa ser rígida, engessada, pelo contrário. Separamos 6 dicas que atendem a uma necessidade humana, que é fundamental nos tempos atuais e não parece ter previsão de mudar: a praticidade.

  • 1: É possível aproveitar e adaptar móveis e objetos em outros espaços

Pense na possibilidade de usar móveis modulares. Esses móveis são peças compostas por módulos de tamanhos pré-determinados que podem ser encaixados, mudando de altura ou de amplitude de acordo com a sua necessidade naquele período. Estantes, armários e sofás que podem ser dispostos de acordo com a necessidade do momento são práticos na hora de limpar e podem ser a solução para problemas de espaço. A versatilidade desse mobiliário pode garantir conforto e praticidade, não importa o acontecimento que sua casa abrigue.

  • 2: Incorpore peças atemporais no dia a dia

Existem peças atemporais, tanto por terem um lugar garantido na história do design quanto por haverem se mostrado adaptáveis a muitos lugares. Um exemplo é a poltrona Egg™, fabricada pela dinamarquesa Fritz Hansen. Arne Jacobsen desenhou a poltrona para a entrada e a recepção do Royal Hotel de Copenhagen, mas ela também pode fazer parte da sua casa, abrilhantando seu espaço com elegância escultural e com conforto. Por que não?

  • 3: Faça uso de madeira natural no mobiliário

A madeira natural é um coringa, por sua neutralidade e elegância, e também pelo aconchego que proporcionam no ambiente doméstico. As cadeiras ou poltronas em madeira natural de placas finas em formas levemente curvas dos Eames, por exemplo, têm aparência leve e conversam com estilos e cores variados. Elas funcionam praticamente em qualquer lugar, de residências e escritórios, a escolas e áreas públicas.

  • 4: Adicione pontos de iluminação para dar destaque

Iluminar é preciso. E saber quais são os cantinhos que pedem luz vai fazer da sua casa mais aconchegante. A intensidade e o foco também vão depender do que você pretende valorizar e qual é o momento especial vivido em seu lar. A luminária Suspence Nomad, da Fritz Hansen, por exemplo, proporciona uma qualidade mais difusa à luz, o que evita que chegue diretamente aos olhos dos presentes, causando incômodo, além de ser facilmente movimentada.

  • 5: Use objetos para área externa e interna

Quer multiplicar as possibilidades de alguns móveis, aumentando o espaço livre? A Voido é uma cadeira de balanço desenhada por Ron Arad, para a Magis. Ela tem linhas suaves e é ergonômica, proporcionando relaxamento e bem-estar. Além disso, é produzida em polietileno, e pode ser usada tanto em áreas internas quanto externas. Aproveite a versatilidade deste tipo de peça.

  • 6: Utilize tapetes para deixar o ambiente mais aconchegante

Onde você vai pisar pode falar muito sobre os seus momentos de conexão com sua casa. Carpetes, tapetes e pisos vinílicos podem ser o toque final para a troca entre você e sua família, com o ambiente. Você pode ter como critérios a temperatura que gostaria de ter, de acordo com a atividade desenvolvida em cada cômodo, ou até com a textura que cada uma
dessas atividades pede.